Morada: Rua do Amparo, nº 2 e R. D. Antão de Almada, nº 1-A e 1-B

Telefone: 21 880 60 40/8

Site: http://www.soaresrebelo.pt/

E-mail: geral@soaresrebelo.pt

Fundadores: Manuel Martins Rebelo e Luís Soares

Proprietário actual: Ricardo Opa (sócio-gerente)

Artigos: Comercialização de sementes de legumes e flores, ervas aromáticas e adubos, produtos para controlo de pragas. Sementes de ervilhas, favas, forrageiras, sementes condimentares/melíferas, híbridas, relvas, oleaginosas; amores-perfeitos, copos de água, chagas, esporas do imperador, maravilhas anãs, mimosas, saudades altas, estrelas do Egipto, zínias, centáurias, frésias, papoilas, túlipas, etc. Nabos, nabiças, tomates, rabanetes, cebolas, feijão, ervilhas, couves. Comercializa ainda adubos e terras, bem como acessórios de jardim. A Soares e Rebelo dispõe também de serviço de aconselhamento e de uma estrutura comercial que opera a nível nacional e internacional.

Decoração: Fachada e montras em madeira trabalhada e pintada de verde, delas realçando-se o característico toldo de riscas brancas e verdes e os letreiros em vidro pintado com a designação da casa e as frases “sementes para hortas e jardins” e “sementes de legumes e frutas”. Ex-libris da loja, são os anúncios com pinturas em película sobre vidro, com o hortelão semeando e a florista anunciando “as sementes da marca Hortelão são as melhores”, bem como os pacotes de sementes e as sacas riscadas a verde e branco. No interior, destaque para o balcão corrido e a parede forrada a prateleiras de madeira, e para os vários instrumentos de antanho devidamente expostos, desde logo uma belíssima balança.

Protecção: Consta do Inventário Municipal (31.69) anexo ao PDM e está inserida na Lisboa Pombalina classificada Conjunto de Interesse Público (2012).

História: A loja foi fundada em 1935 e começou por comercializar a marca própria “Hortelão”, vendendo sementes hortícolas aos agricultores que trabalhavam a terra nos arredores de Lisboa, numa época em que o Mercado da Figueira era o mercado abastecedor de Lisboa e, portanto, a praça homónima uma local estratégico em termos de negócio.

Horário de funcionamento: Aberta de 2ª Feira a 6ª Feira, das 9h às 19h. Aos Sábados, das 9h às 13h.

 

Facebook